fanzinetaz


o fanzine taz mudou de endereço:

 

fanzinezat



Escrito por francesco às 13h39
[ ] [ envie esta mensagem ]


o sal do mar

do sol do toldo

o cal do muro

o fundo, furo

o pau do tronco

grosso tenta

vaza, escorre

pela calha solta

sol tal gesto

puro o raio pela fresta

brilha

atesta

irradia

acaba

evapora

por fora

a tora em minutos

o sol faz a hora

a lente amplia

o sal faz o gosto

do que não tem gosto



Escrito por francesco às 15h01
[ ] [ envie esta mensagem ]


rachaduras das lembranças

são pequenos arrependimentos que se aproveitam dos anos



Escrito por francesco às 23h18
[ ] [ envie esta mensagem ]


outro lado meu

outro lado apagado

breu

 

outro lado

meu outro lado

apagado breu

 

outro lado

meu outro

meu lado

breu

 

outro eu a meu lado

outro lado meu

lado apagado

breu

 

eu breu

meu eu

meu fado

meu breu

 

breu meu eu

fadas a meu lado

outro eu apagado

eu



Escrito por francesco às 10h25
[ ] [ envie esta mensagem ]


a palavra muda #1

 

a palavra fala

em tom de poesia

a quem quiser

ser seu guia

 

 

 

 

 

a palavra muda #2

 

a palavra é vazia

e não diz nada

se a poesia

não for a sua escada

 

 

 

a palavra muda #3

 

a palavra glosa

o ser das coisas como um guia

se a vida em prosa

se fizer poesia



Escrito por francesco às 20h41
[ ] [ envie esta mensagem ]


a saudade dói

a saudade arde em certas coisas

fiquei em tudo o que vivi

agora não tenho mais nada

meus pensamentos ficaram

nas coisas que vi

a saudade corrói

em mim nada mais pra doer

e dói

 



Escrito por francesco às 16h25
[ ] [ envie esta mensagem ]


ou     contro

em       mim

eu



Escrito por francesco às 21h39
[ ] [ envie esta mensagem ]


muito de mim

minto

muito pouco

deveras sinto

sou oco

assim rindo

e tudo em

mim indo

pouco tempo

lento

dentro

muito assunto mudo

no mundo tudo

nada em mim



Escrito por francesco às 15h00
[ ] [ envie esta mensagem ]


 

sou só eu

semente só

somente sinto

o eu em mim

só quando berra

 

 



Escrito por francesco às 17h28
[ ] [ envie esta mensagem ]


mácula

 

r    u   í   d   o

s o m     b r a

i  m  a g  e m

 

pollock



Escrito por francesco às 14h59
[ ] [ envie esta mensagem ]


vazio

 



Escrito por francesco às 23h18
[ ] [ envie esta mensagem ]


 

 

agora a hora adora

       

                   demora um ponteiro a passar

 

                                                     em cima do outro

 

antes nem sentia                                                 outro lugar

 

                   agora sinto

 

depois de tudo um pouco                                      paisagem

 

                               loucura pura

 

o tempo já se ia

                       

                         onde?                                        o logo se vai

 

                                         esquecimento



Escrito por francesco às 17h18
[ ] [ envie esta mensagem ]


cada coisa em seu lugar

eu não inventei os lugares

as coisas já estavam lá

eu não inventei as coisas

elas já estavam aí quando nasci

foi um vento forte que tirou

tudo do lugar

eu não inventei o vento

ele veio

como o tempo

eu não inventei o tempo

ele inventou os momentos e cada coisa em seu lugar



Escrito por francesco às 13h13
[ ] [ envie esta mensagem ]


silêncio

nenhuma palavra

 

silêncio

nenhum ruído

 

silêncio

o zumbido do ouvido

 

silêncio

nada se move



Escrito por francesco às 11h50
[ ] [ envie esta mensagem ]


sonho sou seu em parte

em súbito silêncio quase

ninguém

em mim o sim não quero

escrever pensando o que escrever

só o ruído do lápis no papel

em mim todo o céu



Escrito por francesco às 17h02
[ ] [ envie esta mensagem ]


[ ver mensagens anteriores ]
 
Histórico
24/12/2006 a 30/12/2006
20/08/2006 a 26/08/2006
30/07/2006 a 05/08/2006
23/07/2006 a 29/07/2006
09/07/2006 a 15/07/2006
02/07/2006 a 08/07/2006
11/06/2006 a 17/06/2006
21/05/2006 a 27/05/2006
14/05/2006 a 20/05/2006
07/05/2006 a 13/05/2006
30/04/2006 a 06/05/2006
23/04/2006 a 29/04/2006
16/04/2006 a 22/04/2006
09/04/2006 a 15/04/2006
02/04/2006 a 08/04/2006
26/03/2006 a 01/04/2006
19/03/2006 a 25/03/2006
12/03/2006 a 18/03/2006
05/03/2006 a 11/03/2006
26/02/2006 a 04/03/2006
19/02/2006 a 25/02/2006
05/02/2006 a 11/02/2006
29/01/2006 a 04/02/2006
22/01/2006 a 28/01/2006
08/01/2006 a 14/01/2006
01/01/2006 a 07/01/2006
25/12/2005 a 31/12/2005
18/12/2005 a 24/12/2005
11/12/2005 a 17/12/2005
04/12/2005 a 10/12/2005
20/11/2005 a 26/11/2005
13/11/2005 a 19/11/2005
06/11/2005 a 12/11/2005
23/10/2005 a 29/10/2005
16/10/2005 a 22/10/2005
25/09/2005 a 01/10/2005
18/09/2005 a 24/09/2005




Votação
Dê uma nota para
meu blog



Outros sites
 chacal
 zanzara
 zanzara
 a casa
 a casa
 varal discos
 tiesco
 panacea
 renato negrão
 grupo poro
 tentativismo
 ligando palavras
 augusto de campos
 quinta poética
 tempo do rock
 arte e acaso
 bruno brum
 grupo verdade e interpretação
 blog zanzara
 matriz
 a obra
 mineiros uai
 bh music
 narrarte
 balaiovermelho
 PSIU POÉTICO
 errotica
 chave do som
 chacal
 dissonância.com cultura alternativa no front ! ! !
 zine do pirata